Postos do exército português (15) – o ajudante de tenente de mestre de campo general

biombo

O ajudante de tenente de mestre de campo general era um oficial colateral, o de mais elevada patente entre os desta categoria. Segundo o disposto nas Ordenanças Militares de 1643

Os ajudantes de tenente de mestre de campo general hão-de ser eleitos de capitães de infantaria de mui particular talento e expediente; exercitam repartir e levar as ordens, e assistirem sempre na sala dos generais, repartidamente por dias.

Segundo Joane Mendes de Vasconcelos, a nomeação de sujeitos para aquele posto cabia ao mestre de campo general. Os ajudantes de tenente de mestre de campo general podiam ser nomeados para qualquer vaga de sargento-mor de um terço (de tropas pagas) do exército da sua província.

Fonte: “Ordenanças Militares de 1643”, tit. 18º e 19º, in AIRES, Cristóvão, Historia Organica e Politica do Exercito Português – Provas, vol. IV, Lisboa, Imprensa Nacional, 1908, pgs. 62-63.

Imagem: Representação de infantaria portuguesa no chamado “Biombo dos Marqueses de Fonte Arcada”, séc. XVII.  Museu Nacional de Arte Antiga, Lisboa.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s